quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Carta de Amor - Despedida de um Amor

            Por favor acredite quando digo que "eu te amo". Sei que você acha muito difícil ou quase impossível de acreditar em mim quando te digo que te amo tanto quanto você me ama, pelo que estou fazendo conosco, mas tente se esforçar em acreditar, por que o que digo é mais pura e "verdadeira verdade" que há em mim, eu te amo e não sei exatamente como conseguirei viver um instante sem você.

            O destino não nos foi favorável, disso eu posso ter certeza, eu não me vou por que quero, mas por que tenho que ir. Não vivemos em uma situação tão incompreensível assim. Confesso que esperava que você fosse me entender, chego até a desejar que você me apoiasse para que eu pudesse partir de uma maneira menos "destrutiva" do que como a que estou partindo. Lógico que eu não esperava festas ou pulos de alegria, mas já seria tão difícil pra mim partir com você me apoiando, que sem o seu apoio - na verdade ainda pior, com você duvidando de meu amor - torna quase impossível não a partida, mas a vida.
            Se houvesse a menor possibilidade, se eu tivesse qualquer chance mesmo que tivesse que enfrentar a tudo e a todos, mas que isso pudesse resultar em eu ficar aqui com você eu agarraria essa chance e não largaria por nada, mas não há, eu não digo que ela 'nunca' existirá - e eu espero profundamente que ela exista e que me apareça logo para que eu possa vir a estar com você novamente - só digo que nesse momento de nossas vidas ela não existe, infelizmente.
            Nos colocamos em uma situação muito complicada, eu não tenho como ficar e você acha a minha ida um ato imperdoável de minha parte. Só espero que um dia ainda possamos nos encontrar, mesmo que não possamos continuar o que começamos, mesmo que você não me queira mais, ou até mesmo que você me odeie por partir, eu ainda espero poder te ver pelo menos mais uma vez. Não tenho como lhe dizer sim ao seu pedido de que eu ficasse, o que me tirou completamente o "direito" de te pedir que me espere poder voltar.
            Dentre todas as coisas, acho que só o que me resta é pedir e desejar que você seja feliz. Se isso quer dizer que você encontrará um novo alguém assim que eu me for, ou se você me esperará, ou se você terá outras pessoas enquanto não estivermos juntos, ou se em um momento nós viermos a nos encontrar e sermos felizes com outras pessoas, não me faz mais diferença, sinceramente nesse momento eu não me importo, pois tudo o que posso esperar é que você faça de tudo pra ser feliz.
            Vivendo essa situação eu deixei de imaginar como seria viver algo assim e passei a sentir em meu coração, corpo e alma que não foi nada fácil pra mim escolher e não penso que tenha sido mais fácil ou mais difícil pra você ouvir, entender e aceitar - não exatamente aceitar, mas compreender logicamente - essa minha escolha, mas depois de tudo isso que lhe foi dito só me resta dizer uma coisa, adeus.

                                                          Com todo o meu amor! "XXXXXXXX"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário